Colunistas

Educação ambiental

publicado em 2 de março de 2021 - Por Ambiente em Pauta

Educação – Meio ambiente – Educação ambiental. A junção, a ponte, a mensageira entre os mundos. A educação que pulsa e vibra dia a dia trazendo a força da sabedoria e do conhecimento através de um portador, usualmente os professores nas escolas, que transmitem seus saberes, em tese chega da melhor forma aos estudantes.

Mas o inverso também se mostra, com alunos mostrando diferentes ângulos, assim como em outros espaços de conhecimento, a troca de experiência e a harmonia ao estudar.

E esse ambiente, que está menos do que meio. Pois é, nossa querida Terra, que nos acolhe e protege, nos dá sustento de variadas formas, nos provém a vida e oferta a possibilidade de sermos pessoas melhores, podendo cuidar dela enquanto individualidades e coletividade. E por que falar disso é importante? Por que educar ambientalmente em tempos tão caóticos e tão modernos?

Afinal a vida nos traz esse dualismo, esse entre rios, o mergulho e a superfície, a educação e ignorância, o cuidado e o desafeto.

Precisamos conversar, olhar para isso, trocar nossas dúvidas e saberes cada vez mais entre nós para criarmos esses espaços mais prósperos, e a educação ambiental é uma das imensas ferramentas que possuímos. Então, coloquemos em ação, com sabedoria para usá-la e exercê-la com nosso próximo.

Logo, busco trazer essas reflexões, esses apontamentos para pensarmos como isso tem repercutido em nossa sociedade, em nossos organismos sociais, na nossa vida. Podemos não ser o educador atuante à frente de uma sala, mas podemos ser o educador com nossa família, com um conhecido na rua.

Não compete certificados ajudar o outro, levar o conhecimento que já possuímos, ajuda de forma genuína, prosperando um espaço mais saudável e harmonioso para todos nós. Sempre com muita empatia e cuidado para criar cada vez mais, mesmo de que gota a gota, nossas sociedades sustentáveis mais prósperas, amorosas e abundantes.

Laíza Teixeira Pedroso, Tecnóloga e Educadora Ambiental, colaboradora do Coletivo Socioambiental e Associação Bragança Mais. E-mail para sugestão e diálogos: laizateixeirapedroso@gmail.com