Polícia

Enfermeira morre em colisão com caminhões na Bragança/Itatiba

publicado em 19 de junho de 2018 - Por BJD

Vítima estava se dirigindo para o hospital onde trabalhava em Itatiba

Simone Aparecida Gomes da Silva, 40 anos, morreu num acidente na Rodovia Alkindar Monteiro Junqueira (Bragança/Itatiba) na manhã dessa segunda-feira, 18. Ela perdeu o controle do veículo ao tentar uma ultrapassagem e colidiu com três caminhões. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) esteve no local, mas não foi possível socorrê-la, pois já estava em óbito.

Simone Aparecida Gomes da Silva, 40 anos, morava no Residencial Bragança III e se dirigia para a Santa Casa de Itatiba onde começaria a trabalhar ( Foto: Reprodução / Facebook)

Segundo dados da ocorrência registrada no Plantão Central da Polícia Civil, policiais militares rodoviários disseram, com base em informações dos motoristas dos caminhões envolvidos, que por volta de 6h10 Simone seguia pelo sentido Itatiba, no km 47,100, nas proximidades do Condomínio Terras de Santa Cruz, na condução do veículo Fiat/Uno Mille, prata, placas de Bragança Paulista, quando tentou retornar em sua mão de direção, mas acabou colidindo levemente com o caminhão que estava ultrapassando.

Em seguida também bateu lateralmente com o para-choque traseiro do caminhão VW/24.250, vermelho, placas de São Miguel Arcanjo, conduzido por William Cunha, 27 anos, que trafegava no sentido Bragança Paqulista. Simone perdeu o controle da direção e teve o carro atingido lateralmente pelo caminhão Ford/Cargo 1719, branco, placas de Bragança Paulista, dirigido por Walter Batista, 46 anos, que seguia também no sentido Bragança Paulista.

O primeiro caminhão com o qual Simone colidiu lateralmente não foi identificado, uma vez que não parou. O SAMU foi acionado e constatou o óbito no local do acidente.

Os caminhões foram liberados para seus respectivos motoristas. O Fiat/Uno foi recolhido por guincho. O corpo de Simone foi encaminhado para exames necroscópicos. Seu sepultamento está previsto para esta terça-feira, 19, em Toledo-MG, sua cidade natal.

Recém admitida na Santa Casa de Itatiba, a enfermeira se dirigia para o hospital no momento do acidente onde começaria justamente nessa segunda-feira, 18, o período de integração para trabalhar numa Unidade de Pronto Atendimento (UPA) gerida pela instituição.

A enfermeira morava no Residencial Bragança III e era também professora na escola de cursos técnicos de saúde Nova Biotec, além de atuar na Cruz Vermelha e no asilo de Toledo. Ela trabalhou também nos antigos hospitais Unimed e São Pedro.

De acordo com Patrícia Fernanda Pizo Ferreira, diretora da Nova Biotec, Simone ministrava aulas nas disciplinas de neonatologia, saúde mental e acompanhava estagiários em postos volantes de vacinação em parceria com a Prefeitura de Bragança Paulista.

Em manifestação nas redes sociais, a direção da instituição publicou uma nota de pesar. “A sua morte nos pegou de surpresa e a levou de nós repentinamente. Neste momento de dor e consternação, só nos cabe pedir a Deus que lhe ilumine e lhe dê paz, e dê conforto à sua família para que possam enfrentar esta imensurável dor com serenidade.

Agradecemos imensamente o tempo que pudemos conviver com ela, que será sempre lembrada pelo profissionalismo, honestidade, lealdade, inteligência, competência e sensibilidade para lidar com as adversidades e conflitos humanos. Devemos sempre lembrar que Deus quer ao seu lado os melhores, e com certeza a nossa amiga já está ao lado do Senhor cumprindo uma nova missão. Deixamos os nossos mais sinceros pêsames aos familiares e amigos”.

Acidente ocorreu no km 47,1, próximo ao Condomínio Terras de Santa Cruz ( Foto: Davi Joel)