Polícia

Agência bancária realiza simulação de incêndio sem avisar Corpo de Bombeiros

publicado em 21 de junho de 2018 - Por BJD

A informação de que um princípio de incêndio estava ocorrendo na agência do Banco Santander, na Rua Cel. Osório, no Centro, levou o Corpo de Bombeiros a se mobilizar até o local no início da noite de terça-feira, 19.

No entanto, tratava-se apenas de um teste de segurança, que não foi avisado pelo banco aos bombeiros.

De acordo com informações colhidas pelo BJD, o Corpo de Bombeiros foi acionado por populares por volta de 18h00 através do telefone 193, informando que havia fumaça saindo do imóvel e tudo indicava ser um incêndio.

Foram deslocadas três viaturas com sete bombeiros em pleno horário de pico, o que resultou num congestionamento nas proximidades e aumentou ainda mais o caos habitual no horário.

Quando os bombeiros chegaram, foram informados pela gerência de que era apenas um treinamento de segurança que incluía combate a incêndios.

Segundo o Corpo de Bombeiros, não existe legislação ou norma que obrigue a empresa a emitir um aviso à corporação em caso de teste de segurança, mas a recomendação é que ela seja avisada para evitar transtornos. “Toda vez que uma empresa for fazer alguma atividade que possa repercutir num impacto visual e causar preocupação, como a emissão de fumaça, por exemplo – nesse caso até mesmo uma dedetização – recomendamos que o Corpo de Bombeiros seja contatado para emitirmos um alerta no nosso sistema de que não se trata de um incêndio. Assim, não deslocamos nossa equipe para um alarme falso”, alertou o sargento Daniel Inajar.