Falecimentos

Falecimentos no período de 17 a 24 de Fevereiro de 2019

publicado em 2 de março de 2019 - Por BJD

Dia 17
HERMES VITOR STABOLI JÚNIOR, aos 47 anos, natural desta cidade. Era filho de Hermes Victor Staboli e de Luiza da Silva Staboli. Divorciado de Cássia Ivana Hernandes da Silva, deixou os filhos Rafael, Júlia e Lucas. Foi sepultado no dia seguinte.

Dia 18
JARBAS UBIRAJARA MARZAGÃO, aos 85 anos, natural de São Paulo-SP. Era filho de Dirceu Guilherme Marzagão e de Estephania de Santis Marzagão. Casado com Celina Nardy Marzagão, deixou os filhos Jarbas, Mônica, Martha e José Augusto. Foi sepultado no mesmo dia.

MARIA SPINA DE LOYOLA, aos 92 anos, natural desta cidade. Era filha de Francisco Spina e de América Ometto. Viúva de Mário Ignácio de Loyola, deixou o filho José Marcelo. Foi sepultada no dia seguinte.

VICENTINA ANGELA PIMENTEL, aos 96 anos, natural desta cidade. Era filha de José Ângelo Pimentel e de Anna da Silveira Pimentel. Solteira. Foi sepultada no dia seguinte.

CÉSAR MIGUEL DA SILVA, aos 88 anos, natural de Caratinga-MG. Era filho de Miguel Modesto da Silva e de Terezinha Rosa de Jesus. Solteiro. Foi sepultado no dia seguinte.

CLÁUDIO PANEQUE GARCIA, aos 84 anos, natural desta cidade. Era filho de Simeão Paneque Garcia e de Juventina Gebin Paneque. Viúvo de Apparecida Malengo Paneque, deixou os filhos Cláudio, Carlos, Tânia, Mônica e Ronaldo. Foi sepultado no dia seguinte.

MARIA JOSÉ DE TOLEDO FRANCO, em Barretos, aos 63 anos, natural de Atibaia-SP. Era filha de José Luiz de Toledo e de Maria Rossi de Oliveira. Casada com Laércio Ângelo Franco, deixou os filhos José Luiz, Joselaine, Jorge, Jerusa, Jeremias e Jordana. Teve seu corpo transladado para esta cidade e sepultado no dia seguinte.

Dia 19
SÉRGIO HENRIQUE LOPES BAIZA, aos 44 anos, natural de São Paulo-SP. Era filho de Vicente Lopes Baiza Filho e de Sônia Maria Frossard Baiza. Divorciado de Silvia Helena Bento, deixou a filha Alexia. Foi sepultado no mesmo dia.

YUJI OGAWA, aos 83 anos, natural do Japão. Era filho de Matagiro Ogawa e de Moto Ogawa. Viúvo de Takiko Ogawa, deixou os filhos Sandra, Luiz, Inês, Fernando, Eliza e Érica. Foi sepultado no dia seguinte.

MATILDE RODRIGUES DE MORAES PINTO, aos 76 anos, natural desta cidade. Era filha de Eugenia Rodrigues de Moraes. Casada com Manir Pinto, deixou os filhos Tereza e Sérgio. Foi sepultada no dia seguinte.

DALVA MARIA CAMPOS, aos 63 anos, natural desta cidade. Era filha de Miguel Campos e de Sebastiana José Manoel. Deixou o filho Hércules. Foi sepultada no dia seguinte.

ROSA DE ROSA, aos 86 anos, natural de São Paulo-SP. Era filha de Agostinho de Rosa e de Assunta Peixoto. Viúva de Oswaldo Camolesi, deixou a filha Cássia. Foi sepultada no dia seguinte.

CÉLIO BASSI, aos 50 anos, natural desta cidade. Era filho de João Aparecido Bassi e de Antonia Nicoletti Bassi. Solteiro. Foi sepultado no dia 21.

Dia 20
JOSÉ FRANCISCO DOS SANTOS, aos 62 anos, natural de Brazópolis-MG. Era filho de Joaquim Alfredo dos Santos e de Rita Maria da Conceição. Casado com Olga Maria Cardoso dos Santos, deixou os filhos Ana Paula, Francisco e Diego. Foi sepultado no dia seguinte.

GERALDINA GODOY CAMPOS, aos 92 anos, natural desta cidade. Era filha de Basilio Bueno de Godoy e de Julia Maria da Conceição. Viúva de Benedito Adolfo de Campos, deixou os filhos Valdir, Maria Aparecida e Neusa. Foi sepultada no dia seguinte.

JOÃO NAZÁRIO DA SILVA, aos 83 anos, natural de Pindobacu-BA. Era filho de Antonio Nazário da Silva e de Rosa Maria de Jesus. Casado em 1ª núpcias com Leonidia Lopes da Silva, deixou os filhos Elza e Edna. Casado em 2ª núpcias com Judith de Toledo Silva. Foi sepultado no dia seguinte.

ADEMIR PIRES DE GODOY, aos 64 anos, natural desta cidade. Era filho de Alcides Pires de Godoy e de Maria José de Souza. Divorciado de Benedita Alves, deixou os filhos Eliana, Regiane, Viviane, Ademir e Eliete. Foi sepultado no dia seguinte.

BENEDITO FERNANDES DOS SANTOS, aos 92 anos, natural de Guarulhos-SP. Era filho de José Fernandes dos Santos e de Dirce Pinheiro dos Santos. Solteiro. Foi sepultado no dia seguinte.

Dia 21
ÍTALO HENRIQUE LUISI NETO, aos 39 anos, natural desta cidade. Era filho de José Antonio Luisi e de Maria Marques de Rezende Luisi. Solteiro. Foi sepultado no dia seguinte.

BERTHO ANTONIO CARDOSO, aos 87 anos, natural desta cidade. Era filho de Benedito Antonio Cardoso e de Flora Maria Cardoso. Viúvo de Maria da Glória Gama Cardoso, deixou os filhos Maria, Jair, Jurandir, Laércio, Nair, Dosanja Laura, Luiz, Cláudio e Claudete. Foi sepultado no dia seguinte.

SÉRGIO SALOMÃO, aos 70 anos, natural de Munhoz-SP. Era filho de Pedro Salomão e de Tereza Souza Bueno. Casado com Ivone Ap. de Souza Salomão, deixou as filhas Alessandra, Andrea, Simone e Denise. Foi sepultado no dia seguinte.

Dia 22
VICENTE ALVES DA CUNHA, aos 74 anos, natural de Vargem-SP. Era filho de João Alves da Cunha e de Liria Maria de Jesus. Viúvo de Maria de Lourdes Pinto da Cunha, deixou o filho Fernando. Foi sepultado no dia seguinte.

EUGÊNIA DA SILVA ROSA, aos 76 anos, natural de Piracaia-SP. Era filha de Domiciano Rodrigues da Silva e de Donaria Maria da Conceição. Casada com Geraldo Bento da Rosa, deixou os filhos José Aparecido, Nelson, Silvana, Maria Olanda, Mário, Albertina, Isabel e Adriana. Foi sepultada no dia seguinte.

HAMILTON GOMES DA SILVA, aos 51 anos, natural de Ibirajuba-PE. Era filho de Luís Gomes da Silva e de Maria José Gomes. Casado com Maria Eva Ramos Gomes da Silva, deixou os filhos Wellington e Willian. Foi sepultado no dia seguinte.

Dia 23
HAMILTON DE SOUZA, aos 74 anos, natural desta cidade. Era filho de José Angelino de Souza e de Thereza Jarussi de Souza. Casado com Maria Aparecida Pittoco de Souza, deixou os filhos Hamilton Jr., Guilherme e Gustavo. Foi sepultado no mesmo dia.

ARCILIA MAGGIOLLI RIZARDI, aos 93 anos, natural desta cidade. Era filha de Pedro Maggiolli e de Lúcia Gebin. Viúva de Waldemar Rizardi, deixou os filhos Hédio e Marly. Foi sepultada no mesmo dia.

Dia 24
MÁRCIO ISSAO SUZUKI, aos 56 anos, natural desta cidade. Era filho de Takehissa Suzuki e de Sadako Kano Suzuki. Solteiro. Foi sepultado no mesmo dia.