Cotidiano

Secretaria de Mobilidade responde a questionamentos de leitores

publicado em 28 de agosto de 2020 - Por BJD
Na Pires Pimentel, próximo aos Correios, é proibido estacionar onde está delimitada a faixa de ônibus (Leitor)

Nesta semana, leitores entraram em contato com a redação do Bragança-Jornal para tratar de assuntos ligados à Mobilidade Urbana, em algumas situações que têm gerado dúvidas.

Um leitor enviou uma foto da Avenida Antônio Pires Pimentel (lado ímpar), próximo à agência dos Correios, onde há sinalizações conflitantes: uma no solo (faixa amarela) e outra na sarjeta (zebrada). A dúvida do leitor é se pode ou não estacionar nesse local. Segundo a Secretaria de Mobilidade, “aquilo que o leitor chama de ‘sarjeta zebrada’ não é sinalização de trânsito, e sim pintura de guia. Já a faixa amarela delimita o espaço ocupado pelo ponto de ônibus que existe no local.

Na rotatória da Avenida Deputado Virgílio de Carvalho Pinto, em frente ao Supermercado Mendonça, a Secretaria de Mobilidade fará uma avaliação para verificar a necessidade de implantar sinalização adicional (Gerson Gomes – Bragança-Jornal)

Estacionar onde houver sinalização horizontal delimitando a parada de ônibus é infração de trânsito, com multa no valor de R$ 130,16 e 4 pontos na carteira de habilitação”, informou a pasta.

Outro ponto de dúvida enviado por outro leitor, é na rotatória existente na Avenida Deputado Virgílio de Carvalho Pinto, em frente ao Supermercado Mendonça, no Parque dos Estados. Segundo o leitor, com a falta de sinalização de solo os motoristas não respeitam a preferencial de quem está na rotatória e avançam.

Vários abalroamentos já ocorreram. Segundo a Secretaria de Mobilidade, “a preferência de circulação em uma rotatória, desde que não esteja definida por sinalização vertical, é do veículo que já se encontra no interior da rotatória. Será feita uma avaliação para verificar a necessidade de implantação de sinalização adicional”, afirmou.

Conversas no Facebook