Cotidiano

Reajuste da taxa de lixo segue lei municipal

publicado em 9 de janeiro de 2019 - Por BJD
Crédito: Arquivo/BJD

Diferentemente do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), em que a correção foi de 4,56%, seguindo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o reajuste da Taxa de Coleta de Lixo se deu pelo Código Tributário Municipal, a Lei nº 1.999, de 1984.

Diversos contribuintes entraram em contato com o Bragança-Jornal nesta semana para contestar o valor da taxa que vem cobrada no carnê do IPTU. Os munícipes apontam um aumento ‘considerável’.

Matéria completa na edição impressa de quinta-feira, 10 de janeiro.