Cotidiano

Ramo imobiliário quer revogação de decreto que congelou novos loteamentos, condomínios e prédios

publicado em 23 de janeiro de 2019 - Por BJD
Crédito: Gerson Gomes/BJD

Na noite de terça-feira, 22 de janeiro, construtores, empreiteiros, engenheiros, arquitetos, investidores, corretores, pedreiros, serventes e integrantes de associações compareceram à Câmara para discutirem sobre o Decreto Municipal 2.865 de 2019, que suspende a aprovação de loteamentos, condomínios e prédios na cidade até a finalização da revisão do Plano Diretor.

Atores ligados ao ramo imobiliário defendem a revogação do decreto.

Matéria completa na edição impressa de quinta-feira, 24 de janeiro.