Cotidiano

Projetos da Lei Aldir Blanc revelam potencial artístico de bragantinos

publicado em 7 de abril de 2021 - Por BJD

Artistas bragantinos começam a expor a partir desta quarta-feira, em ambientes virtuais, os projetos culturais contemplados pela Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc – Lei Federal nº 14.017/2020.

As atividades de dança, fotografia, literatura, artes cênicas e música são gratuitas e estarão disponíveis nas mídias sociais dos artistas. A iniciativa é uma forma de incentivar o consumo de arte e cultura e valorizar a produção dos artistas locais.

A programação desta semana abre nesta quarta-feira, 7, com curtas-metragens baseados nas obras dos heterônimos do poeta português Fernando Pessoa, denominada LiterAto. O projeto, idealizado pela jornalista Shel Almeida e dirigido pela dançarina Marina Abib, será exibido sempre às quartas-feiras de abril, às 19h30, no canal do YouTube do Edith Cultura no link: (https://www.youtube.com/EdithCultura).

O filme escolhido para a estreia, nesta quarta, 7 de abril, é “Tabacaria”, baseado no poema homônimo de Álvaro de Campos. Em seguida, no dia 14, será exibido o curta baseado no poema “Lisbon Revisited (1923)”, do mesmo autor. Campos tem temperamento rebelde e agressivo, cuja obra reproduz a revolta e o inconformismo, manifestados através de uma revolução poética.

No dia 21 será a vez do curta baseado nos trechos 93 e 127 do “Livro do Desassossego”, de Bernardo Soares. Considerado semi-heterônimo por ser aquele com personalidade mais próxima do próprio Fernando Pessoa.
Para encerrar, a exibição do dia 28 traz o filme baseado no canto V, do poema “O Guardador de Rebanhos”, de Alberto Caeiro.

Cada filme foi pensado separadamente pela Marina Abib, que dirigiu os curtas. Mas a ideia é que juntos, eles formem realmente uma série, com começo, meio e fim. “O ator, Jeison Domingues, está nos quatro filmes. Não só porque, mesmo que se trate de três autores diferentes, com obras distintas, são todos frutos da mesma mente, que é o Fernando Pessoa, mas porque cada filme pode representar diversas fases da vida da mesma pessoa”.

Corpo de Não Baile

A fotógrafa Mariana Magalhães, idealizadora do projeto de ensaio fotográfico “Corpo de Não Baile”, diz que o objetivo de sua exposição é quebrar o estereótipo criado dentro do balé clássico do corpo de baile, e realizar um ensaio com corpos diversos, livres de padrão.

A fotógrafa atua na cena cultural do município e fotografa artistas locais. “Ouvindo vários relatos de bailarinos e não bailarinos sobre a padronização “para dançar”, principalmente no corpo de baile de grupos de balé clássico, me veio essa vontade de fazer um trabalho da quebra desses estereótipos, para mostrar que diferentes corpos e diversas pessoas podem dançar sem ter algum padrão estético à frente disso”, disse Mariana.

Instante

Outro projeto contemplado pela lei Aldir Blanc é da professora de balé clássico e jazz dance, Thais Naomi, que apresentará “Instante”, no dia 30 de abril, às 20h00. no canal “Thais Naomi Oni” (https://bit.ly/31QrQ8b). A bailarina trará uma reflexão interna e pessoal para cada espectador acerca de si mesmo ao tratar de sensações humanas a partir de uma história sobre o ciclo da vida.

PROGRAMAÇÃO DESTA SEMANA
“LiterAto”, com Jeison Domingues
Data: 07, 14, 21 e 28 de abril
Horário: 19h30
Veja em: https://cutt.ly/BcrwfQg
Classificação indicativa: Livre

“Oficinas de regulagem de instrumentos musicais”, com Sheila Menezes
Data: 07 e 08 de abril
Horário: 20h
Veja em: https://www.facebook.com/sosvaledojaguari
Classificação indicativa:
16 anos

“Quase Específica”, com Érica Tessarolo
Data: 09, 10 e 11 de abril
Horário: 18h
Veja em: https://cutt.ly/fcriO2X
Classificação indicativa: Livre

“Projeto D – Corpo de Não Baile”, com Mariana Magalhães
Data: 09 a 29 de abril
Veja em: https://cutt.ly/acr1Ski
Classificação indicativa: Livre

“Procura-se Saci”, com Larissa Carneiro
Data: 10 de abril
Veja em: procurasesaci.com.br
Classificação indicativa: Livre

Conversas no Facebook