Cotidiano

Principais vias da cidade terão redução da velocidade máxima permitida

publicado em 8 de maio de 2020 - Por BJD

A Prefeitura iniciou nas últimas semanas a instalação de placas indicativas de velocidade máxima de 50 km/h na Avenida dos Imigrantes, redução de 10 km/h na via.

Questionada pelo Bragança-Jornal, a Secretaria de Mobilidade Urbana informou que velocidade máxima regulamentada será uniformizada em 50 km/h nos principais corredores viários da cidade, com o objetivo “de aumentar a segurança de pedestres, ciclistas e demais usuários dessas vias, mas também evitar a confusão dos condutores ao trafegar em vias urbanas com diferentes limites de velocidade.

A única exceção é a Av. Alberto Diniz, com velocidade regulamentada de 60 km/h, que é continuidade da rodovia Alkindar Monteiro. Em locais próximos a estabelecimentos de ensino, de saúde ou com grande movimentação de pedestres, a velocidade será regulamentada em 40 km/h”.

De acordo com a Secretaria, “há uma tendência mundial de redução dos limites de velocidade nos centros urbanos para reduzir o número de mortos e feridos no trânsito”.

“Há estudos que demonstram que as chances de sobrevivência de uma vítima de atropelamento aumentam de 30% para 55% quando a velocidade é reduzida de 60 km/h para 50 km/h.

Importante ressaltar que velocidade regulamentada é aquela que o condutor pode imprimir em condições ideais. No entanto ele deve estar atento também às condições de conservação da via, meteorológicas, intensidade do trânsito, circulação de pedestres, entre outras para circular de forma segura”.

AVENIDA DOS IMIGRANTES

A Avenida dos Imigrantes é o principal corredor viário do município e passa por revitalização da sinalização de trânsito. “Além da redução da velocidade regulamentada, a via receberá placas e painéis proibindo a circulação de veículos pesados na pista da esquerda, pintura das faixas de rolamento com a implantação de tachas refletivas, proibição de estacionamento ao longo da via e instalação de equipamentos de fiscalização eletrônica de velocidade”, informou a Secretaria.

Vários leitores entraram em contato com a redação relatando a diminuição da velocidade e questionaram sobre a instalação de um radar de velocidade próximo à Justiça Federal. Segundo a Secretaria de Mobilidade, o radar ainda não está em operação.

“A redução da velocidade na Avenida dos Imigrantes visa aumentar segurança aos ciclistas e demais usuários da via, e faz parte do projeto da ciclofaixa que será implantada no trecho entre as ruas Antonio Sabella e Aquiles Bianchi, e será estendida para outros trechos desse importante corredor viário. No trecho do Popó a velocidade máxima será de 40 km/h”, finalizou a Secretaria de Mobilidade.