Cotidiano

Postes são retirados Al. XV de Dezembro, mas acessibilidade está comprometida

publicado em 15 de Maio de 2018 - Por BJD
Gerson Gomes / BJD (14/05/2018)

Num serviço bastante rápido, a empresa Energisa, concessionária de energia elétrica do município, retirou todos os postes que estavam no ‘meio’ da Alameda XV de Dezembro, no Jardim Dr. Júlio de Mesquita Filho. No entanto, a acessibilidade ficou comprometida.
O alerta sobre a segunda questão foi feito pela leitora Maria Bueno. Em e-mail enviado à reportagem, a leitora faz diversos questionamentos. “Existe uma medida legal para largura de calçadas em avenidas? Caso não exista, como a Prefeitura pode permitir essa largura de calçada em avenida de trânsito rápido? Passa um cadeirante por ali? Um cidadão com sacolas de supermercado?” indagou.

Um termo de ajustamento de conduta foi firmado entre a Prefeitura, a empresa Tebas Empreendimentos, que construiu um prédio para um estabelecimento comercial naquela região, e a Energisa. O custo para a realocação dos postes foi de R$ 89.688,65, valor este pago pela empresa Tebas.

A Alameda XV de Dezembro também será alargada, obra também de responsabilidade da construtora.