Cotidiano

Feira do Conhecimento encerra atividades do primeiro semestre do programa Residência Pedagógia da Fesb

publicado em 15 de junho de 2019 - Por BJD
Atividades desenvolvidas pelos alunos da Escola Estadual Professor Marcos Antônio da Silva Guimarães (Fotos – Divulgação Fesb)

A Feira do Conhecimento intitulada  ‘O Homo sapiens sapiens e suas tecnologias’, marcará o encerramento do 1º semestre de 2019 do programa Residência Pedagógica da Fundação de Ensino Superior de Bragança Paulista (Fesb). O evento acontece neste sabado, 15 de junho, das 8h00 às 12h00, na Escola Estadual Professor Marcos Antônio da Silva Guimarães, na Vila Bianchi, onde os residentes desenvolveram as atividades.

O grupo é composto por estudantes dos cursos de licenciatura em Ciência Biológicas, Educação Física, História e Letras, que tiveram como orientadores os professores Virgínia de Souza Bueno e José Fernando Teles da Rocha, e como preceptores os professores Milena da Silva Gomes, Maristela Izzo e Camilo Alfredo Faigle Vicari.

Durante os seis meses de atividades, os alunos se reuniram e elaboraram um projeto cujo resultado final será apresentado na Feira de Conhecimento. A temática “As tecnologias e suas implicações para a sociedade” foi discutida e aprofundada nas reuniões dos residentes com os docentes. A partir desses encontros, várias ações foram desenvolvidas junto aos alunos da escola estadual, como: oficina de robôs, com a utilização de materiais recicláveis; oficina de papiro e escrita cuneiforme; estudos sobre os estilos de escrita no decorrer da história e o uso intensivo de tecnologias pelos adolescentes e pela sociedade.

“Estão todos convidados a prestigiarem o evento. Compareçam e vejam de perto como a formação de professores visando uma educação de qualidade e atuação dinâmica é o que caracteriza os cursos de licenciatura da Fesb”, ressaltou a Professora Dra. Renata Cardoso Belleboni Rodrigues, responsável pelo programa na faculdade.

Residência Pedagógica é um programa desenvolvido numa parceria da Fesb com o Governo Federal, por meio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e Secretarias de Educação Estadual e Municipal.