Cotidiano

Existe data para desmontar a árvore de Natal?

publicado em 23 de dezembro de 2020 - Por BJD
Divulgação

Manda a tradição que a decoração de Natal comece a ser montada no primeiro domingo do Advento, o período da liturgia cristã que marca a preparação para o nascimento de Jesus.

O pinheirinho, que ganha destaque na maioria das residências e grandes estabelecimentos comerciais com bolas de diferentes cores e guirlandas luminosas entre outros itens decorativos, deve ser montado aos poucos no decorrer das quatro semanas e finalizado com a estrela no topo.

A decoração natalina, contudo, não tem essa regra seguida para ser instalada, especialmente por estabelecimentos comerciais que se preparam bem antes para criar um clima propício para as vendas de final de ano. Já na Igreja Ortodoxa, o indicado é iniciar a montagem em 6 de dezembro, dia de São Nicolau.

Há ainda um detalhe importante sobre o pinheirinho. Se ele for artificial, a montagem pode ser feita no início do Advento, mas se for natural a questão foge da religião. Para que ele esteja bonito e vistoso na noite de Natal, o melhor é fazer a decoração umas duas semanas antes.

Assim como ocorre na instalação da decoração natalina, a remoção dela também tem uma data. A mais tradicional é no dia 6 de janeiro, que marca o momento em que os três Reis Magos encontraram o menino Jesus, revelando seu nascimento para o restante do mundo. Este dia também é denominado de Epifania do Senhor.

Mas acontece que para alguns católicos a desmontagem também pode ser feita após esta data e no dia da Festa do Batismo do Senhor, que encerra o Tempo de Natal abrindo as portas para a liturgia comum. Esta data não é fixa e sempre cai no primeiro domingo após a Epifania.

Então, apesar de ser um costume desmontar a decoração no dia dos Reis Magos, não é considerado errado deixar para fazer o trabalho no dia do Batismo do Senhor.

Conversas no Facebook