Cotidiano

Estado diz que buscará mais médicos legistas para atendimento no IML

publicado em 7 de junho de 2019 - Por BJD
Obras do novo prédio do IML, no Taboão, continuam a todo o vapor e a expectativa é que haja profissionais suficientes para atender a demanda de 16 cidades da região (Crédito: Gerson Gomes)

Os desdobramentos da situação do precário atendimento do Instituto Médico Legal (IML) de Bragança Paulista ainda repercutem.

Mesmo após a Superintendência da Polícia Técnico-Científica (SPTC), órgão ligado à Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado de São Paulo, assegurar que corpos não serão mais encaminhados para a realização de necropsia no IML de Jundiaí, algumas dúvidas ainda pairam. Em nova manifestação, a SPTC diz que busca mais médicos legistas para o município.

Matéria completa na edição impressa de sábado, 8 de junho.