Cotidiano

Demolição da antiga garagem de empresa N. Sra. de Fátima indica início de obras de mobilidade urbana na região do Taboão

publicado em 13 de janeiro de 2020 - Por BJD
Projeto de Mobilidade Urbana prevê expansão e interligações de vias públicas (Crédito: SECOM)

Aproximadamente um ano depois de desapropriar um imóvel situado na Rua Tupy, nº 100, no Bairro do Taboão, a antiga garagem da empresa Nossa Senhora de Fátima Auto Ônibus, a Prefeitura deu início à demolição dos muros no último sábado, 11 de janeiro.

O local receberá obras que visam à melhoria do trânsito naquela região. O imóvel tem área total de 7.877,53 m².
Uma comissão técnica da Prefeitura avaliou o imóvel em R$ 2.825.000,00; e o valor acordado pela Prefeitura com a empresa foi R$ 2.780.881,17, que corresponde ao valor venal. No dia 27 de dezembro de 2018, o prefeito Jesus Chedid e a empresa Nossa Senhora de Fátima Auto Ônibus, representada por seus diretores José Luiz Rodrigues e Belarmino de Ascenção Marta, entraram num acordo acerca da desapropriação da área e assinaram o Termo de Acordo Administrativo.

No último sábado, 11, funcionários da Secretaria de Serviços iniciaram a demolição dos muros da antiga garagem da empresa de ônibus (Crédito: SECOM)

A Administração Municipal pretende abrir novas ruas objetivando a expansão e interligação de vias públicas e bolsão de parada de ônibus que desafogarão o trânsito na região do Taboão, além de área de estacionamento. Com essas medidas, espera-se mais fluidez no trânsito da região, que possui alta concentração de veículos em horários de pico.

As obras serão custeadas pelo Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos (Dadetur) e nos próximos dias, a Prefeitura deve lançar os editais de licitação. Enquanto as obras não iniciam, o local será liberado para estacionamento.

Para melhoria da mobilidade urbana na região, a Administração Municipal também declarou de utilidade pública outra área, que permitirá ligar as avenidas Alberto Diniz, dos Imigrantes e José Gomes da Rocha Leal, com o prolongamento da Travessa Ruy Barbosa, para eliminar os congestionamentos na Rua Felipe Siqueira.

A Prefeitura também negociou uma área de 1.185,46m² com o empresário Levy Suppioni, situada na Avenida dos Imigrantes, nº 500, Bairro do Taboão, que também fará parte das obras de mobilidade.