Cotidiano

De janeiro a outubro, CRAS realizou mais de 20 mil atendimentos

publicado em 23 de novembro de 2020 - Por BJD
Uma das unidades do CRAS está localizada na Planejada I (Arquivo Bragança-Jornal)

A Prefeitura de Bragança Paulista, por meio da Secretaria de Ação e Desenvolvimento Social (SEMADS), divulgou números dos atendimentos e benefícios da SEMADS de janeiro a outubro.

Durante o período, nas quatro unidades do CRAS foram 20.929 munícipes atendidos, entre avaliações socioeconômicas para auxílio alimento, visitas domiciliares, ações particularizadas, BPC idoso e PCD, entre outros. Ao todo foram concedidas 973 cestas básicas para gestantes e 257 kits enxovais pelo Projeto Arco-Íris.

OUTROS BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS

No mês de outubro, 3.428 famílias, que representam 13.193 pessoas, foram diretamente beneficiadas pelo Programa Bolsa Família. Dentre essas famílias, 85,1% dos responsáveis familiares (RF) são do sexo feminino. Neste mês, o número de pessoas beneficiárias do programa foi equivalente a 7% da população do município, que sem o programa, estariam em condição de extrema pobreza.

No mesmo período, foram distribuídos 220.851 litros de leite pelo Governo do Estado, em gestão compartilhada com o município pelo Programa Vivaleite. Esse é o maior programa de distribuição gratuita de leite pasteurizado do Brasil. O objetivo é oferecer um complemento alimentar seguro e de alto valor nutritivo às pessoas de baixa renda, além de gerar de forma indireta, novos empregos no campo. No município, a média mensal é de 711 crianças atendidas, de 6 meses a 5 anos e 11 meses.

O Centro POP emitiu 690 passagens para pessoas em situação de rua retornarem aos municípios de origem ou outros destinos durante o período de janeiro a outubro. As passagens são emitidas por Assistente Social ou Psicólogo após entrevista psicossocial, evitando que essas pessoas fiquem pelas ruas do município pedindo ajuda. O Cadastro Único realizou 22.578 atendimentos ao público em geral.

Conversas no Facebook