Cotidiano

Concessionária de ônibus pede reajuste da tarifa para R$ 5,39

publicado em 22 de janeiro de 2020 - Por BJD

A empresa Nossa Senhora de Fátima Auto-Ônibus, atual concessionária do transporte coletivo urbano do município, apresentou na terça-feira, 21 de janeiro, um oficio solicitando o reajuste da tarifa unitária dos atuais R$ 4,20 para R$ 5,39, o que representa um aumento de 28,33%.

Agora cabe à Prefeitura definir o reajuste, que normalmente é menor do que o pedido pela concessionária. O último reajuste ocorreu há um ano, quando a tarifa, que estava congelada há dois anos, subiu de R$ 3,70 para R$ 4,20. A planilha de custos da empresa e o ofício de solicitação assinado sócio-proprietário José Luiz Creado Rodrigues foram publicados em edição extra da Imprensa Oficial Eletrônica do Município de terça-feira, 21.

A empresa justifica o pedido de reajuste tendo em vista “o aumento no combustível e investimentos na manutenção da frota em circulação, além das remunerações dos motoristas e demais colaboradores”. A empresa ainda ressaltou que presta serviços ao município há mais de 50 anos e que na última licitação, vencida pela empresa JTP Transportes, Serviços, Gerenciamento e Recursos Humanos Ltda., a Nossa Senhora de Fátima não participou. “Outra instituição assumirá o transporte na cidade, entretanto, ainda há um período para que essa transição ocorra, e para manter o serviço adequadamente o reajuste da passagem se faz necessário”.

O pedido foi protocolado na Prefeitura e será analisado seguindo os trâmites legais do procedimento.

NOVA CONCESSIONÁRIA

A JTP Transportes deve assumir o serviço de transporte coletivo da cidade em até seis meses após a assinatura do contrato, o que ainda não ocorreu. A licitação foi encerrada no último dia 15 de janeiro e a empresa JTP ofertou a tarifa de R$ 4,69 para operar no município.