Cotidiano

Candidatos respeitam lei eleitoral e não poluem vias com santinhos

publicado em 16 de novembro de 2020 - Por BJD

Apesar dos candidatos afirmarem que jogar materiais gráficos nas vias nunca foi uma ação assertiva, em eleições passadas se observava acentuadamente essa prática. Mas neste ano as coisas foram diferentes.

A situação atípica de pandemia teve grande reflexos nas eleições municipais. Além da necessidade de adaptação das campanhas políticas, se observou também uma drástica diminuição da poluição eleitoral.

O distanciamento social e os protocolos de segurança oriundos da pandemia da Covid-19 fizeram com que os candidatos explorassem outras possibilidades que não a distribuição exacerbada de santinhos nas casas e nas ruas. Embora alguns munícipes tenham observado essa prática, muito comum em eleições passadas, neste ano ela foi muito mais tímida.

No dia do pleito eleitoral, a reportagem do Bragança-Jornal percorreu algumas vias da cidade e observou-as majoritariamente limpas, especialmente em frente a postos de votação (foto), locais comumente mais afetados.
A Lei nº 9.504, de 30 de setembro de 1997, que estabelece normas para as eleições, caracteriza uma série de práticas crimes eleitorais.

Entre elas estão o uso de alto-falantes e amplificadores de som ou a promoção de comício ou carreata; a arregimentação de eleitor ou a propaganda de boca de urna; a divulgação de qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou de seus candidatos e a publicação de novos conteúdos ou o impulsionamento de conteúdos nas aplicações de internet. Todos esses crimes eleitorais são puníveis de acordo com a lei, com detenção de seis meses a um ano, com a alternativa de prestação de serviços à comunidade pelo mesmo período, e multa no valor de cinco mil a quinze mil UFIR.

Em contato com o secretário municipal de Segurança e Defesa Civil, Dorival Bertin, bem como com o plantão da Polícia Civil, a informação foi de que não houve registro de crime eleitoral em Bragança Paulista neste ano. De acordo com 34º Batalhão da Polícia Militar do Interior, na cidade de Tuiuti foi registrada uma briga generalizada em uma praça, com necessidade de intervenção policial. Um homem foi detido no local e apresentado no DP em Bragança Paulista.

VOTAÇÃO TRANQUILA

Mais de 70% dos eleitores compareceram às urnas. Dos 131.200 eleitores aptos a votar, 93.473 contribuíram para a eleição do Legislativo e do Executivo do município, mesmo tendo de enfrentar altas temperaturas durante todo o dia. Abertas das 7h às 17h, as seções eleitorais não registraram aglomeração de eleitores.

Conversas no Facebook