Cotidiano

Câmara convida concessionária Energisa para explicar quedas frequentes de energia

publicado em 2 de outubro de 2020 - Por BJD
Segundo a empresa, equipamentos estão sendo trocados por outros mais modernos para garantir maior confiabilidade no fornecimento de energia para o município (Divulgação/Energisa)

A Energisa Sul-Sudeste foi convidada pela Comissão de Finanças, Orçamento, Obras, Serviços Públicos e Desenvolvimento Urbano da Câmara Municipal para explicar ocorrências de interrupção do serviço de energia elétrica na cidade.

O assunto foi abordado inicialmente na 35ª Sessão Ordinária da Câmara, realizada na terça-feira, 29. O vereador Marcus Valle (PV) propôs um requerimento à Energisa, solicitando informações, e também fez uma indicação à Prefeitura pedindo providências no sentido de o Poder Executivo fiscalizar a empresa, a fim de solucionar o problema.

Na tribuna, Marcus ainda disse que a Casa deveria se manifestar sobre o caso para responder à população.
Outros vereadores também se posicionaram sobre o assunto, como José Gabriel Cintra Gonçalves (DEM), Mário B. Silva e Paulo Mário Arruda de Vasconcellos (PL). “A empresa precisa divulgar melhor seus problemas. Conversei com o secretário municipal Marcos Tasca, que faz parte do Conselho da Energisa, sobre esse assunto. A empresa precisa se justificar com a população.

Quando eles estiverem na Comissão peço que façam esse pedido para que comuniquem e assumam as dificuldades e problemas técnicos. A empresa precisa conviver melhor com a comunidade bragantina e reconhecer seus defeitos”, disse Paulo Mário.

Na sessão da Comissão de Finanças, o vereador Natanael Ananias (PSC) mencionou as queixas da população. “Nos últimos dias os episódios de interrupção do serviço têm sido constantes, então é justo que a Energisa explique a todos o que está acontecendo”, relatou.

Mário B. Silva relatou descaso da empresa com os consumidores. “É um desrespeito muito grande. O serviço é pago, as reclamações são constantes e eles não dão qualquer justificativa”.

O QUE DIZ A EMPRESA

A reportagem do Bragança-Jornal entrou em contato com a Energisa. Segundo a concessionária, ela está realizando neste segundo semestre de 2020 uma obra de modernização na principal subestação de energia de Bragança Paulista. “Equipamentos estão sendo trocados por outros mais modernos para garantir maior confiabilidade no fornecimento de energia para o município. Nessa importante obra, a empresa investiu mais de R$ 2 milhões.

O trabalho de modernização é realizado pelas equipes de campo com técnicas especiais, sem a necessidade de interromper o fornecimento de energia por um grande período, porém, determinadas operações exigem que o abastecimento seja interrompido por curta duração, entre 1 e 3 minutos, para garantir a segurança da execução do serviço, da população e do próprio sistema elétrico”, explicou inicialmente a empresa.

“Essa obra, juntamente com outros trabalhos de manutenção realizados no sistema de distribuição de energia em todo o município, faz parte de um pacote de investimentos realizados pela empresa no município, que trará mais confiabilidade e qualidade no fornecimento de energia para os consumidores atendidos pela empresa, além de contribuir para o desenvolvimento social e econômico da cidade.

A empresa lamenta pelos transtornos causados durante esse período de grande importância elétrica para a cidade de Bragança Paulista e pede a compreensão de todos os seus clientes em função das pequenas interrupções”, justificou.

Em caso de algum prejuízo com aparelhos que venham a danificar em decorrência de um problema no sistema elétrico da distribuidora de energia, a empresa informou que “os clientes, podem procurar a empresa para solicitar o ressarcimento”. “A análise do pedido será realizada pela Energisa, seguindo as regras, procedimentos e prazos estabelecidos pela Resolução 414 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) sobre esse tipo de solicitação”.

Conversas no Facebook