Coronavírus

Volta às aulas em Bragança só será decidida após pesquisa e com condições sanitárias

publicado em 18 de setembro de 2020 - Por BJD
Pais e educadores serão ouvidos sobre retorno ou não das aulas presenciais (Arquivo/Bragança-Jornal)

A volta das aulas presenciais em Bragança Paulista ainda não tem data definida e ela somente acontecerá após pesquisa com pais e educadores, e com as devidas condições sanitárias. A afirmação é do secretário municipal de Educação, Adílson Moreira Condesso.

Na tarde desta sexta-feira, 18, o Governo de São Paulo confirmou que o plano da retomada opcional de aulas presenciais escalonadas está mantido para o dia 7 de outubro para alunos do Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA) da rede estadual. Para as escolas que atendem alunos do ensino fundamental, a data prevista de retorno foi alterada para 3 de novembro.

“Foi surpreendente, não esperávamos essa mudança do Governo do Estado para o Ensino Fundamental. Com muita tranquilidade vamos manter o cronograma estabelecido pela Prefeitura, que é ouvir, através de pesquisas, os pais e profissionais da Educação, levar para o Comitê Gestor de Combate ao Coronavírus para avaliar as questões sanitárias, e depois levar para o prefeito. Essa mudança repentina do Governo do Estado não altera os caminhos que traçamos”, afirmou Condesso.

Segundo o Governo do Estado, a volta às aulas está condicionada à autorização dos prefeitos. As prefeituras são autônomas para decidir se vão ou não acompanhar o cronograma estadual. Os municípios podem adotar calendários mais restritivos, de acordo com dados epidemiológicos locais.

A reabertura deve respeitar limites máximos de alunos e protocolos sanitários. Nas redes privadas e municipais, a educação infantil e os anos iniciais do ensino fundamental podem ter até 35% dos alunos por dia em atividades presenciais. Para os anos finais dos ensinos fundamental e médio, o limite máximo é de 20%. Na rede estadual, só é permitido o atendimento de até 20% em todas as etapas.

IDEB: REDE MUNICIPAL ULTRAPASSA META EM AVALIAÇÃO DO MEC

Dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2019 divulgados nesta semana pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão do Ministério da Educação (MEC), demonstram que, na média, a Rede Municipal de Ensino de Bragança Paulista atingiu a meta.

Conversas no Facebook