Coronavírus

Empresário de Atibaia morre aos 51 anos por Covid-19

publicado em 1 de abril de 2020 - Por BJD
Crédito: O Atibaiense

O empresário Wagner Silva faleceu na madrugada desta quarta-feira, 1º de abril. Ele estava internado no Hospital São Luís, em São Paulo, com diagnóstico de Covid-19. Segundo o jornal “O Atibaiense”, sua morte foi divulgada por sua esposa Cristiana em sua rede social.
Wagner contraiu o vírus entre 12 e 13 de março. Os primeiros sintomas foram dor de garganta incômoda e um pouco de tosse. Ele foi a um hospital particular de Atibaia e lhe foi receitado anti-inflamatórios e antibióticos, com recomendação de ficar em casa, relatou a esposa ao ‘O Atibaiense’.
Na semana seguinte, Wagner decidiu ficar em seu apartamento na Capital, para observar melhor seu quadro e, principalmente, preservar a esposa e o filho. Na quarta-feira da semana passada, dia 25, ele disse à esposa que apesar da medicação estava se sentindo mal. Ele deu entrada no hospital na quinta-feira, 26, e foi internado na UTI.
Wagner Silva nasceu em São Paulo, era empresário do ramo da contabilidade, ex-presidente da Associação Comercial e ex- vereador e presidente da Câmara de Municipal de Atibaia.