Colunistas

“No Jardim de um Mosteiro” e “Num Mercado Persa”

publicado em 8 de agosto de 2019 - Por Odila Baisi

Ketèlbey – (Birmingham, 1875 – Cowes, 1959)

Há 60 anos falecia o compositor Albert Ketèlbey, autor da bela obra “No Jardim de Um Mosteiro”. Foi contemporâneo de Eric Coates, outro mestre inglês das composições musicais descritivas. Ketèlbey tinha sede do exótico, muitas vezes evocando o misterioso Oriente, amiúde o Tibete ou a Índia.

“No Jardim de um Mosteiro”, descrito como um “intermezzo típico”, data de 1915 e alcançou sucesso instantâneo. Ketèlbey apresentou-se muitas vezes como solista de piano e também regeu em âmbito internacional. Outra de suas composições mais famosas é “Num Mercado Persa”, publicada pela primeira vez em 1920.

Descrição: o compositor menciona a chegada de uma caravana, mendigos, uma princesa carregada por criados, malabaristas, encantadores de serpente e um califa. Depois que a princesa e o califa saíram, um almoadem (o que anuncia em voz alta) chama a oração de um minarete (torre de uma mesquita). A caravana continua sua jornada e o mercado se cala.