Colunistas

Melodia em Fá – Anton Rubinstein

publicado em 18 de julho de 2019 - Por Odila Baisi

Anton Rubinstein é lembrado como o maior pianista de sua época, ao lado de Franz Liszt. Infelizmente, já não é tão bem lembrado como o grande compositor que se empenhou em ser. Escreveu praticamente todos os gêneros, desde óperas e oratórios, até sinfonias, concertos, música de câmara e canções.

Uma obra que jamais caiu no esquecimento, porém, é a sua encantadora “Melodia em Fá”, Op.3, No.1. Uma peça de salão, ela é um belo exemplo de talento especial de Rubinstein para a melodia lírica fluente, que, uma vez ouvida, permanece na memória.

Anton Rubinstein nasceu em Vikhvatinets ( 1829) e morreu em Peterhof (1894) Rússia.

Esta coluna retorna em agosto de 2019.