Bragantino

Vitória de virada diante do Corinthians, em Itaquera

publicado em 18 de junho de 2021 - Por Silvio Loredo
Ramires (ao Centro) é abraçado pelos companheiros na comemoração do segundo gol (Ari Ferreira / Red Bull Bragantino)

O Bragantino bateu o Corinthians, por 2 a 1, de virada, na noite da última quarta-feira, 16, na Neo Química Arena, em São Paulo, e manteve a invencibilidade no Campeonato Brasileiro.

Depois de ir ao vestiário no intervalo perdendo por 1 a 0, na segunda etapa a equipe de Bragança Paulista demonstrou sua superioridade e confirmou o favoritismo.

O Corinthians teve apenas 34% de posse de bola na primeira etapa, mas muito disso depois de abrir o placar. Antes, o Timão conseguiu pressionar a saída do Bragantino em alguns momentos e trocar passes no campo de defesa do Massa Bruta. Numa jogada em que teve muitos espaços, o time da casa manteve a posse de bola por 50 segundos até chegar ao primeiro gol, aos 18 minutos do primeiro tempo. Gustavo Mosquito cruzou, Roni ajeitou e bateu para abrir o placar em Itaquera.

Depois disso, o Bragantino tentou crescer no jogo e empurrou o Corinthians para trás. Mas, bem organizado na defesa e com jogadores dedicados, o Timão conseguiu se segurar e viu Cássio trabalhar pouco.

Já na segunda etapa, o Corinthians relaxou na marcação e o Braga, por sua vez, aumentou sua intensidade de jogo, sempre com jogadores próximos uns dos outros no campo de ataque e toques rápidos e envolventes.

Com apenas 3 minutos, Pedrinho perdeu um gol cara a cara após um lindo lançamento de Artur. Mas era questão de tempo para sair o gol de empate, que veio aos seis minutos numa cobrança de escanteio, também de Artur, um dos destaques do Massa Bruta, na cabeça de Aderlan.

Após sofrer o gol de empate, o Corinthians, com muitas limitações no elenco, não teve forças para reagir; e o Bragantino, após desperdiçar algumas oportunidades, confirmou a vitória aos 42 minutos, com Eric Ramires, que entrou bem no jogo. Ele aproveitou um rebote da defesa corintiana após chute de Ytalo, ganhou no corpo a corpo de João Vitor e chutou entre as pernas do goleiro Cássio, que havia salvado o Corinthians em outras jogadas, mas dessa vez falhou.

Vitória importante para o Massa Bruta, que chega com moral para os próximos jogos, diante de Flamengo, neste sábado, e Palmeiras, na próxima quarta-feira, dois fortes candidatos ao título.

FICHA TÉCNICA

CAMPEONATO BRASILEIRO – 4ª RODADA

CORINTHIANS 1 X 2 RB BRAGANTINO

Neo Química Arena (São Paulo-SP) Quarta-feira (16/06/2021)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Cantillo, Gabriel e Roni; Gustavo Mosquito, Luan
(Léo Natel – 27’/2º T) (Ramiro – 34’/2º T) e Mateus Vital (Araos – 15’/2º T). Técnico: Sylvinho

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton, Aderlan, Fabrício Bruno, Léo Ortiz e Weverson; Raul, Lucas Evangelista e  Pedrinho (Eric Ramires – 22’/2º T); Artur, Ytalo e Helinho (Cuello – 37’/2º T). Técnico: Maurício Barbieri

GOLS: Roni 18′ (1ºT); Aderlan 6′ (2ºT); Eric Ramires 40′ (2ºT)
Árbitro: Thiago Luis Scarascati (SP)
Assistente 1: Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA-SP)
Assistente 2: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)
Árbitro de vídeo (VAR): José Claudio Rocha Filho (SP)
CARTÕES AMARELOS: Cássio e Gil (COR)

Conversas no Facebook


Secured By miniOrange