Bragantino

Em 2020 Bragantino tem aproveitamento de apenas 33% nos pênaltis

publicado em 30 de setembro de 2020 - Por BJD
Lance de jogo contra o Vasco. Na partida, o goleiro do Cruz Maltino, Fernando Miguel, defendeu pênalti de Alerrandro (Ari Ferreira/ RB Bragantino)

Os empates por 1 a 1 do Bragantino contra Vasco e São Paulo, mesmo fora de casa, tiveram gosto de derrota para o Massa Bruta. O motivo foi o time desperdiçar penalidades que poderiam ter dado a vitória ao clube.

No último domingo, 27, o atacante Alerrandro, artilheiro da equipe, teve a chance de colocar o Massa Bruta à frente do Vasco, mas desperdiçou a cobrança. Com isso, o Bragantino chega a três pênaltis cobrados no Brasileirão, com três desperdícios.

Segundo levantamento do Globo Esporte, até o momento, em 2020, o Braga teve seis pênaltis a seu favor: apenas dois resultaram em gols e quatro foram desperdiçados. No Paulistão, o time tinha Ytalo como batedor oficial. No Brasileiro, ainda não há um nome definido.

Claudinho, Artur e Alerrandro tiveram chances, mas não converteram. Caso os pênaltis tivessem sido aproveitados e o Bragantino vencido estes jogos, teria quatro pontos a mais na tabela, indo a 15 pontos. Essa pontuação colocaria a equipe na 10ª colocação. Atualmente o Massa Bruta está na zona da degola, em 17º lugar.

Vale lembrar que no Troféu do Interior, o Bragantino teve uma disputa por pênaltis contra o Botafogo-SP na semifinal. Na ocasião, a vaga à final veio com os quatro batedores acertando suas cobranças. e Cleiton defendeu dois pênaltis do Botafogo.

Conversas no Facebook