BJD
29 máx 16 min
BragançaPaulista24 Fev 2018


Colunistas


Sadan comprou acém
Sábado,  13 JAN 2018
Tamanho dos caracteres

 ACONTECENDO

* Orações: minha filha Simone e a todos os doentes que necessitam de luz divina.

* Salve vidas. Doe Sangue. Banco de Sangue do HUSF. Fone: 2490-1240.

* IPVA e Seguro Obrigatório sem avisos. Só pela internet e caixas eletrônicos.

* 17/01 –Previsto o fim do sinal analógico de TV. Adapte-se logo.

* IPTU total até 25/02, com desconto de 5%. Parcelado começa dia 25/01, integral.

FEBRE AMARELA

Dois casos de mortes em Atibaia. Está pertinho. Não se vacinou ainda? Procure um Posto de Saúde. Leve caderneta de vacinação e um comprovante de endereço.

HOMENS: NÃO PODE MAIS

Assédio sexual. Não pode mais: 1-Falar “pegando” na mulher; 2-Cumprimentar com beijinho; 3-Contar piadas “sujas” ou dizer palavrões; 4-Fazer elogios a roupas, perfume e forma física; 4-Dar carona a colegas; 5-Fazer reuniões a portas fechadas; 6-Almoço só em grupo; 7-Ficar admirando uma mulher; 8-Fiu-fiu e pasmem, 9-Mandar beijos no final de e-mail ou WhatsApp.

TORCEM POR LULA E DILMA

Países com ditadores ou de esquerda, querem a volta de Lula. Receberam R$ 10,5 bilhões para empreiteiras brasileiras fazerem obras, com propina, é claro. E nós, óh!

TEMER TEMEROSO I

10,7 bi em emendas aos deputados para votarem a reforma da Previdência. E mais 10 bilhões em 2018, para compra de votos dos deputados safados. Estes já pagaram até shows artísticos com verbas de emendas.

TEMER TEMEROSO II

Insiste na nomeação da Cristiane Brasil (PTB) para o Ministério do Trabalho. Vai recorrer ao STF. Presidente da CEF e 4 diretores, denunciados, Temer os mantêm.

TEMER TEMEROSO III


Por ordem superior, perdoou R$ 170 bilhões de juros e multas em débitos tributários. Além do mais, o perdão de dívidas para grandes fazendeiros... quase tudo.

INFLAÇÃO E SALÁRIOS

Inflação de pobres: 2,07%. De ricos: 2,95%. Aumento do mínimo: R$17,00, ou 1,81%. Quem ganha mais, 2,07%. Patroa de Sadan comprou 1 quilo de acém e 1 de macarrão.

CURTAS DO JUVENAL


* Abraços: Nilva Sleiman Ali Zeitoun; Terezinha Moreno e Moacir Alves.
* Sadan votará no Marcelo Odebrecht e irmãos Batista. Vão reerguer o Brasil.
* Desvio de R$ 472,3 milhões da Saúde e Educação para campanhas políticas. Pode?
* 57% dos brasileiros são a favor da pena de morte. A última execução foi em 1861.
* Fios de telefonia e TV a cabo pendurados nos postes, até o chão. E ninguém arruma.
* PT processa a Globo, Faustão e Luciano Huck no TSE.
* Suplicy é “lerdo”? Perdeu a CNH por excesso de velocidade.
* R$ 3,5 bi em auxílio-moradia para políticos que têm residência no local de trabalho.
* União gastou R$ 40 bilhões para injetar em estatais federais.
* Combustíveis: 1º aumento em 2018.
* Alckmin está com a corda no pescoço. PSDB quer melar sua candidatura a presidente.
* Pior que isso. Temer quer apoiar Alckmin. A vaca do governador vai para o brejo.
* Serra teria recebido R$ 52,4 milhões para campanhas. Ele nega, claro.
* Standard & Poor’s rebaixa nota do Brasil. Nível de Bangladesh e Rep. Dominicana.
* Brasileiros: 60,2% estão inadimplentes. 3 ou mais meses de atraso em suas dívidas.
* Pesar: Soraky Ali Zeitoun.

SOCIAIS DO SADANVICK
FELIZ 2018:

Candida Lambert Carlini e Nelsinho

13/01 - Alex Franco de Camargo
Dorvalina Paula de Moraes Oliveira
Gabriela Stella
Ismara de Carvalho Bastos
Lóla Prata (escritora - ASES)
Luiz Antonio Lisa da Cunha (Tózinho)
Marcos Aparecido Mori e Elaine (11 anos)
Prof.a. Maria José Leme de Araújo (Zezé)
Vera Lúcia Mendes
Dona Zazá (saudoso Dr. Olavo)

14/01 - Francisco Batista de Lima (Sordi)
Prof. José Dujardis da Silva (Duja)
Pyetra Pahin Zumckeller (Taubaté)
Vera Nunes de Mattos
Vinícius Binotto Galasso (Pedro Marcelo e Vanessa)

15/01 - José Lavelli de Lima (tri-prefeito)
Josué Batista de Oliveira (salgadinhos)
Ludmila (filha do Maicon - 14 anos)
Oswaldo Veronesi
Paulo Cesar de Oliveira Chiarion
Sofia Brenelli de Almeida (6 anos)

16/01 - Adair Pereira de Souza (advogada)
Maria Elisa e Antonio Clarete Arantes (25 anos)
Marly Lattanzi de Oliveira
Nicéa Therezinha Dorsa Figueiredo (ASES)