BJD
31 máx 19 min
BragançaPaulista17 Jan 2018


Colunistas


Era uma vez...
Sábado,  19 AGO 2017
Tamanho dos caracteres

 UMA CRIANÇA que tinha medo da aranha-caranguejo e por incrível, sempre estava próxima desse bicho feio que solta pelos para ferir quem esteja por perto e causam dores terríveis. No quintal da casa e também na lenha empilhada, esses bichos eram donos dos territórios e a criança ficava distante, entretanto, a aranha-caranquejo era audaciosa e passeava livremente.

Antes de dormir ela vasculhava os cantos do quarto e em baixo da cama: o medo atrapalhava seu sono e tinha pesadelos. Vivia assustada! A criança cresceu e o temor também. Numa bela manhã de sol no jardim de sua casa, não mais criança, adormecida na grama... o que mais temia aconteceu: foi picada por aranha-caranguejo. Com muita dor gritou e toda a família foi socorrê-la. Sem perda de tempo já estava no hospital. Os médicos realizaram exames e a liberaram em seguida.

Sob o efeito de calmante, dormiu e sonhou: estava presa à teia e ao lado da aranha-caranguejo, que murmurou> {Você sempre me desprezou com o seu medo, agora vou viver no seu corpo e para me vencer terá que cumprir a missão do amor}. Ela retrucou: missão do amor? O que isso significa?

Como cumprir tal tarefa? A aranha-caranguejo em tom vibrante completou: {Acolha seus próprios conflitos, escancare todas as emoções externamente e invoque sempre o pedido de perdão. Liberte a raiva, pois, “camuflá-la perante atitudes de falsa humildade é atitude de quem ilude a si próprio...” Não guarde ressentimentos e esqueça a amargura que tira a alegria de viver. Não culpe ninguém. Não desista nunca de seus sonhos e entenda que o sol não brilha o dia todo, assim como a escuridão não é eterna.

Quando tudo for cumprido eu morrerei no seu corpo e você estará livre de mim para sempre. Não perca tempo e comece a agir rápido ou eu... sua inimiga, serei a vencedora}. A criança que cresceu está apressada e garantiu que vai derrotar a aranha-caranquejo! Não existe ainda o final da história. O tempo dirá quem vai vencer!

MANDATO DE 10 ANOS

REFORMA POLÍTICA
inclui mandato de 10 anos para ministros de Tribunais Superiores: Supremo Tribunal Federal, Superior Tribunal de Justiça, Superior Tribunal Militar, Tribunal Superior do Trabalho e o Tribunal de Contas da União. Já o Tribunal Superior Eleitoral o mandato passa a ser de quatro anos, sem recondução.

Alexandre de Moraes e atualmente membro do STF, avaliou a proposta como razoável, porém, já defendeu tese para mandato de 10 anos para o STF na sabatina de sua indicação. Curioso! O argumento de os Tribunais Superiores, caso a emenda seja aprovada e com dois tipos de ministros (vitalícios e com mandatos) pode parecer “estranho”.

Ora, basta ter a humildade e até a dignidade (vitalícios) para renunciar à vitaliciedade quando atingir 10 anos. Muito simples! A mesma regra, se aprovada, se estenderá por efeito de cascata aos Tribunais Regionais Federais e dos Estados, afinal, o núcleo constitucional reforçará tal mudanças. Nada mais!!!

FRASES E PENSAMENTOS

MILLÔR FERNANDES>
“O Brasil é um gigante eternamente à beira do abismo, porque nunca ninguém lhe disse que talvez a solução seja o abismo”.

ANDRÉ MALRAUX> “Cristo foi o único anarquista que teve êxito”.

BOB MARLEY> “Vocês riem de mim porque sou diferente. Eu rio de vocês porque são todos iguais”.

DESIDERIUS ERASMUS> “Miséria e injustiça acabarão por desaparecer se for permitido à pura luz da razão penetrar nas cavernas escuras da ignorância, da superstição e do ódio”.

POR AQUI (I)

CHUVA FINA... CHUVA MANSA
diminui a poeira e melhora a qualidade do ar que está comprometido por intensas queimadas e fracas fiscalizações. Incrível! Todos os anos é a mesma ladainha: não se percebe nenhuma providência capaz de punir os malfeitores do meio ambiente. Será que “No meio do caminho tinha uma pedra/Tinha uma pedra no meio do caminho/Tinha uma pedra/No meio do caminho tinha uma pedra” (Carlos Drummond de Andrade). Até quando?

POR AQUI (II)

EDITORIAL DO BJD
estampou o problema enfrentado pela população ante o crescente número de assaltos, roubos e furtos, até em pleno dia, em vários bairros de nossa cidade. Eu me lembro de uma guarita no Jardim Europa e mantida por moradores que contratavam vigilantes por conta própria. Com a implantação de condomínios, a cabine foi abandonada e destruída.

Agora a questão “segurança” está na boca do povo. Apenas um detalhe> Jardim Europa: placas indicativas de Alamedas estão ilegíveis e os moradores (ainda bem) colocam papelão com os nomes para facilitar a orientação.

Os buracos ressurgiram diante dos remendos malfeitos. Água escoa de uma bica dia e noite e nenhuma medida é tomada e, nesse caso específico, até o Ministério Público foi devidamente informado alguns anos atrás. O que fazer? “Vou-me embora pra Pasárgada/Lá sou amigo do rei...” (Manuel Bandeira).

POR ÚLTIMO

TRECHO DO DISCURSO DE JK NA POSSE DO CARGO DE PRESIDENTE DA REPÚBLICA>
“Nesta hora solene, queremos reafirmar que pretendemos construir toda a nossa autoridade na obediência à lei e a nada mais aspiramos. Da lei não nos afastaremos um só momento, sob qualquer pretexto. Toda nossa segurança virá sempre da lei”.

ATÉ A PRÓXIMA